EUA: hacker afirma ter acedido a e-mail do chefe da CIA

(AFP)
(AFP)
(AFP)

Um hacker americano afirma ter acedido o e-mail pessoal do director da agência central de inteligência (CIA), John Brennan, obtendo informação confidencial, revelou o jornal New York Post.

Além de aceder ao e-mail de Brennan, o hacker afirma ter feito o mesmo com o e-mail do secretário da Segurança Interna, Jeh Johnson, tendo acedido ao seu arquivo de voz.

“Estamos atentos ao artigo do jornal, mas não comentamos nada sobre a segurança pessoal do secretário”, disse nesta segunda-feira à AFP o porta-voz do departamento de Segurança Interna.

O hacker, que se identifica como um estudante do nível médio, disse ao New York Post que teve acesso a documentos sensíveis nos e-mails pessoais de Brennan, incluindo um arquivo de 47 páginas classificado como secreto.

Em uma conta do Twitter, o hacker exibiu imagens de tela com documentos que parecem conter informação oficial sensível.

O hacker diz que agiu para protestar contra a política externa dos Estados Unidos e em apoio aos palestinianos. “#FreePalestine #FreeGaza”. (afp.com)

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA