Estadista do Botswana realça unidade e integração regional

Presidente do Botswana, Seretse Khama Ian Khama (Foto: Francisco Miúdo)
Presidente do Botswana, Seretse Khama Ian Khama (Foto: Francisco Miúdo)
Presidente do Botswana, Seretse Khama Ian Khama (Foto: Francisco Miúdo)

A unidade e a integração regional, pontos fundamentais na política externa do Botswana, mereceram destaque, nesta terça-feira, do presidente daquele país, Seretse Khama Ian Khama, durante a troca de discursos com o Chefe de Estado angolano, José Eduardo dos Santos, no quadro de uma visita de dois dias a Angola.

Segundo o Presidente Seretse Khaman Ian Khama, que falava para delegações dos dois países, a deslocação a Angola, primeira desde que assumiu a presidência da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC), os dois estados irão beneficiar desse mecanismo, através da cooperação.

Disse tratar-se de uma cooperação baseada no entendimento mútuo e nas questões regionais.

O estadista manifestou-se optimista quanto aos resultados da visita, que disse esperar criar condições para o desenvolvimento das relações bilaterais existentes.

“Na qualidade de Presidente da SADC é minha obrigação coordenar as acções para que a organização possa avançar rumo à integração regional”, referiu.

Como vizinhos, prosseguiu Seretse Khaman Ian Khama, Angola e Botswana, mesmo sem partilhar fronteiras, devem trabalhar dentro de uma parceria estratégica.

Considerou relevante o engajamento dos dois países em prol do reforço da cooperação nos diferentes sectores e felicitou o homologo angolano, José Eduardo dos Santos, pelo empenho do país na presidência do processo Kimberley, na pacificação da região dos Grandes Lagos e nos mecanismos de paz e segurança mundial.

Este último (mecanismos de paz e segurança mundial) culminou com a eleição de Angola a membro não permanente do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU).

Disse esperar que a presença de Angola no Conselho de Segurança seja aproveitada para apresentar os desafios que se colocam à região, ao continente e ao mundo.

Seretse Khaman Ian Khama expressou a necessidade de serem feitos progressos no acordo bilateral, entre Angola e Botswana, rubricado em 2006.

O presidente do Botswana, que realiza uma visita de trabalho em Angola, tem regresso marcado para o seu país quarta-feira (14). (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA