Direita populista alcança resultado histórico nas legislativas suíças (vídeo)

(Euronews)
(Euronews)
(Euronews)

A direita populista foi a grande vencedora das eleições parlamentares na Suíça. O discurso antieuropeu e contra a imigração valeu à UDC quase trinta por cento dos votos e conta agora 65 deputados na câmara baixa do parlamento, mais 11 mandatos do que na legislatura cessante.

Para o líder da União Democrática do Centro, Toni Brunner, “o povo suíço colocou a imigração no centro destas eleições e mostrou a sua discordância com o parlamento e com o governo. Sabemos como lidar com a crise dos refugiados enquanto outros agem como se não houvesse nenhum problema.”

O Partido Socialista ficou na segunda posição ao eleger 43 deputados. Mais de metade dos eleitores não votou. No exterior do parlamento de Berna uma centena de pessoas manifestou-se contra este resultado histórico para um partido helvético. Em fevereiro do ano passado os suíços votaram em referendo a imposição de quotas aos nacionais dos estados-membros da União Europeia. As sete pastas do governo federal suíço são divididas por todos os partidos. (euronews.com)

por João Peseiro Monteiro | com AFP, REUTERS

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA