Deolinda Rodrigues encoraja mulheres angolanas

Bento Bento - Primeiro secretário provincial do MPLA em Luanda (Foto: Henri Celso)
Bento Bento - Primeiro secretário provincial do MPLA em Luanda (Foto: Henri Celso)
Bento Bento – Primeiro secretário provincial do MPLA em Luanda (Foto: Henri Celso)

O primeiro secretário provincial do MPLA em Luanda, Bento Francisco Bento, disse hoje, quinta-feira, nesta cidade, que a coragem, dinamismo e mobilização da nacionalista Deolinda Rodrigues, já falecida, atraiu outras mulheres para a luta contra o colonialismo português.

Bento Bento discursou no acto provincial de apresentação do documentário cinematográfico “Langidila – Diário de um Exílio sem Regresso”, que retrata a vida de Deolinda Rodrigues. O mesmo aconteceu no Centro de Conferências de Belas.

Segundo o secretário provincial, muitas mulheres lutaram pela independência nacional, alcançada a 11 de Novembro de 1975, movidas pelo exemplo e pela capacidade mobilizadora de Langidila.

Para o político, Deolinda Rodrigues era uma mulher muito corajosa e de personalidade elevada, que a história angolana tem como referência, de uma das maiores combatentes da luta de libertação nacional.

O documentário Langidila é um retrato dos momentos da nacionalista e guerrilheira Deolinda Rodrigues, que comporta informações sobre a sociedade colonial, produzido com base no seu diário.

Fala também das nacionalistas Engrácia dos Santos, Irene Cohen, Lucrécia Paim e Teresa Afonso. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA