Cofina impedida de publicar notícias sobre Operação Marquês

(Hugo Correia / Reuters)
(Hugo Correia / Reuters)
(Hugo Correia / Reuters)

O Tribunal da Comarca de Lisboa proibiu o grupo Cofina de publicar notícias relacionadas com a Operação Marquês.

A instância deu razão à providência cautelar requerida pela defesa do antigo primeiro-ministro José Sócrates. Todos os títulos do grupo, onde estão incluídos o Correio da Manhã, a revista Sábado e o Jornal de Negócios, estão proibidos de revelar elementos de prova do processo. Segundo a defesa de José Sócrates, o tribunal determinou a entrega de todos os exemplares impressos do Correio da Manhã, no prazo de três dias, que contenham quaisquer elementos de prova do inquérito. O despacho refere, ainda, o pagamento de sanções por parte do grupo e de alguns jornalistas, com valores que variam entre os 500 e os 2000 mil euros. (sicnoticias.sapo.pt)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA