BIOCOM representa Malanje no Agroangola

(DR)
(DR)
(DR)

A primeira fábrica a produzir açúcar, electricidade e etanol em Angola aproveita o evento para mostrar os resultados da sua 2a Safra/Colheita

A Companhia de Bioenergia de Angola – Biocom– marca presença no AGROANGOLA – Salão Internacional da Agricultura, Pecuária, Alimentação e Florestas 2015, evento promovido pelo Ministério da Agricultura, entre os dias 15 e 17 de Outubro, no pavilhão 6 da Filda. O objectivo é promover e dinamizar o sector agrícola e todas as possibilidades que cercam este negócio, que se mostra em franco crescimento em todo o país.

Como um bom exemplo de como o investimento privado pode gerar parcerias estratégicas e promover a evolução da agro-indústria em Angola, a Biocom, localizada em Cacuso, Província do Malanje, pretende mostrar no AGROANGOLA como funciona o seu processo produtivo e todos os factores que a tornam a primeira fábrica de açúcar, etanol e energia eléctrica a funcionar de forma totalmente sustentável. A Biocom encerrou a sua 2a Safra/Colheita em Setembro, com a produção de 24.770 toneladas de açúcar cristal branco, 10.243 m3 de etanol e 70.000 MWh de energia eléctrica, sendo que 33.000 MWh serão produzidos até Abril de 2016. Confira na ilustração abaixo os números alcançados pela Biocom nesta última Safra.

De acordo com o director de Relações Institucionais da empresa, Luis Bagorro Junior, eventos como este provam que os projectos voltados para a diversificação da economia angolana estão numa excelente fase. “A Biocom tem imenso prazer em participar da AGROANGOLA, pois vivemos um momento de investimentos privados que contribuem para o crescimento do país. Sentimos orgulho em fazer parte deste processo de desenvolvimento, contribuindo com a produção e comercialização do Açúcar Kapanda, além do etanol e electricidade”, contou Bagorro.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA