Tribunal de Cacuaco julga cidadãos por venda em locais impróprios

MERCADO INFORMAL (Foto: Angop)

Doze cidadãos começam hoje, segunda-feira, a ser julgados no Tribunal Municipal de Cacuaco acusados do crime de desobediência as autoridades e venda em locais impróprios causando desordem na municipalidade.

MERCADO INFORMAL (Foto: Angop)
MERCADO INFORMAL (Foto: Angop)

Em declarações à Angop, na Unidade Operativa de Luanda (UPL), no Distrito Urbano da Maianga, quando apresentava às ocorrências policiais do fim-de-semana, o oficial de informação do Gabinete de Comunicação e Imagem da Policia Nacional (PN) na capital do país, sub-inspector Quintino ferreira, informou que os indivíduos foram detidos pelo comando local da corporação.

A polícia registou no período em análise 30 crimes de fórum comum que resultou na detenção de 70 supostos criminosos, dos quais 19 são cidadãos de nacionalidade estrangeira por irregularidade migratória.

Segundo oficial, dos delitos há o realce para uma tentativa de roubo, dois de posse ilegal de arma de fogo, três crimes de homicídio, igual número de ofensas corporais, oito de roubos e 11 furtos.

Deu a conhecer que das mãos dos marginais foram recuperadas cinco viaturas, nove armas de fogo e vinte motorizadas.

No capítulo da segurança rodoviária, informou que foram registados vinte acidentes de viação, com 10 mortes e 30 feridos, tendo sido como medidas policiais aplicadas 320 multas por diversas infracções ao código de estrada, apreendidas cinco viaturas e 350 motorizadas.

Já o terminal 113 registou 80 chamadas de interesse policial, para intervenções em situações de desordem pública, confirmou. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA