Refugiados: Alemanha reinstaura controlos fronteiriços (vídeo)

(Euronews)
(Euronews)
(Euronews)

A Alemanha decidiu reinstaurar temporariamente os controlos fronteiriços para tentar conter o enorme fluxo de refugiados, que se diz incapaz de continuar a acolher. Centenas de polícias foram mobilizados, essencialmente para controlar a fronteira com a Áustria.

A Comissão Europeia disse que a decisão de Berlim não é incompatível com os acordos de Schengen mas “sublinha a urgência” de elaborar um plano europeu de repartição dos refugiados.

O ministro alemão do Interior, Thomas de Maiziére, frisou que “a Convenção de Dublin e as regras de registo [de refugiados] continuam em vigor e devem ser mantidas pelos Estados-membros, cada um deles deve ser responsável não só por registar o requerente de asilo, como por fazer o seguimento do pedido”.

O governo regional da Baviera organizou este domingo uma reunião de emergência, na véspera do encontro extraordinário de ministros da Justiça e do Interior dos Vinte e Oito consagrado à crise dos refugiados.

A capital da Baviera, Munique, viu chegar 13.000 pessoas, só este sábado, vindas do território austríaco, a maioria de comboio. As ligações ferroviárias entre os dois países foram entretanto interrompidas. Depois da Alemanha, a República Checa também anunciou o reforço dos controlos fronteiriços com a Áustria. (Euronews)

por Rodrigo Barbosa | com AFP / EFE

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA