União Europeia: Quem for ao casino e ganhar ou apostar mais de 2 mil euros será vigiado

(DR)
(DR)
(DR)

Norma foi lançada pela União Europeia no seu jornal oficial.

Até 2017, os Estados-membros da União Europeia terão que adaptar as respetivas legislações à diretiva da União Europeia que determina uma maior vigilância nos casinos e em outro tipo de jogos de apostas.

Segundo escreve o Diário de Notícias esta sexta-feira, quem quiser entrar num casino terá de mostrar a sua identificação. Depois, já no interior do casino, os jogadores que ganharem ou apostarem mais de dois mil euros serão alvo de uma apertada vigilância.

Esta diretiva publicada no jornal da União Europeia foi implantada porque a “utilização de serviços do setor do jogo para fins de branqueamento do produto de atividades criminosas é motivo de preocupação”.

Posto isto, explicou ao DN o advogado Rui Patrício, a União Europeia determina que os prestadores de serviços de jogo (casinos, lotarias, póquer e outro tipo de jogo de aposta, seja num espaço físico ou na internet) ficam “obrigados a aplicar medidas de diligência quanto à clientela no momento da recolha de prémios ou da colocação de apostas no montante igual ou superior a dois mil euros”.

No entanto, esta obrigatoriedade só se aplica aos casinos. Relativamente aos outros prestadores de serviços de jogo fica ao critério dos Estados membros se “isentam total ou parcialmente com base no risco comprovadamente baixo”. (Noticiasaominuto)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA