Papa ovacionado de pé no Congresso dos EUA (vídeo)

(Euronews)
(Euronews)
(Euronews)

Foi um discurso muito aplaudido, este do Papa Francisco no Congresso norte-americano.

À chegada, Francisco foi recebido por dezenas de milhares de pessoas que se juntaram junto ao Capitólio.

Este foi o primeiro discurso alguma vez feito por um Papa na câmara legislativa do país, que tem 22% de católicos.

O Sumo Pontífice insistiu na necessidade de acolher imigrantes, lutar contra a pobreza e desigualdades e proteger o meio ambiente.

“Nós, o povo deste continente, não temos medo de estrangeiros, porque muitos de nós também já fomos estrangeiros. Construir uma nação significa relacionarmo-nos com os outros. Rejeitar um quadro mental de hostilidade e adotar um de reciprocidade”, disse o Papa.

O Papa atacou também a pena de morte e, indiretamente, o aborto. Ora arrancava aplausos aos democratas, ora aos republicanos., ora a toda a assembleia, muitas vezes de pé.

Centrou o discurso em quatro nomes norte-americanos que lutaram pela justiça: Abraham Lincoln, Martin Luther King., a ativista social católica Dorothy Day e o padre, escritor e ativista Thomas Merton.

No final, saudou a multidão da varanda do Capitólio e rematou com uma frase querida de todos os americanos: “God bless America” (Deus abençoe a América). (euronews.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA