OMA no Cazenga implementa actividades diversas para melhorar vida da mulher

Militantes da OMA (Arquivo) (Foto: António Escrivão)
Militantes da OMA (Arquivo) (Foto: António Escrivão)
Militantes da OMA (Arquivo) (Foto: António Escrivão)

A primeira secretária municipal da OMA no município do Cazenga, província de Luanda, Ana Carlos, disse, hoje, quarta-feira, que a organização continua a trabalhar na implementação do empreendedorismo e empoderamento da mulher.

Falando a margem do acto de abertura da Assembleia de Balanço e Renovação de Mandato da secção 2A do bairro Adriano Moreira, comuna do Hoji ya henda, disse que a formação de quadros, através do programa de alfabetização e a luta contra a violência domestica e divulgação da lei 25/11 são os grandes desafios.

Informou que a OMA esta cada vez mais sólida, porque continua a trabalhar na implementação do empreendedorismo no seio das militantes, criação de empregos, formação académica, combate à fome e à pobreza.

A outra aposta, disse, consiste na divulgação e prevenção do cancro da mama e útero, gravidez precoce e a situação “ Mata aula”.

“Isso passa por um trabalho de sensibilização nas escolas, com a criação de brigadas escolares para o aconselhamento dos pais, encarregados de educação, professores e alunos para que o fenómeno não atinja proporções alarmantes”, alertou.

Quanto a mobilização e recrutamento de novos militantes disse ser uma das tarefas primordiais, e todos os dias são recrutadas novas pessoas para a organização e crescimento do MPLA.

“É necessário injectar sangue novo na organização com jovens para substituir as mais velhas, por isso são denominadas OMA futuro, porque recebem conhecimentos patrióticos, políticos e sociais”, afirmou.

Ana Carlos disse que a OMA no Cazenga tem 51 mil 904 militantes, distribuídas em 22 comités de base para melhor controlo.

Disse que o facto do município do Cazenga ter sido escolhido para experiência piloto da primeira Assembleia de Balanço e Renovação de Mandatos a nível da província de Luanda é uma mais-valia, porque se traduz no desempenho e continuidade do processo de base, que culminará com o sexto congresso.

Cazenga, um dos sete municípios da província de Luanda, conta com as comunas do Tala-hadi, Cazenga e Hoji ya henda. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA