Ministério da Juventude e Desportos apoia futuras estrelas do Basquetebol angolano nos Estados Unidos

Valdir Manuel, 2,6 metros (Petro); Cristiano Quicassa, 2,3 metros (1º de Agosto; ministro; Moussa Quicassa, 1,97 metros (Asa) e Dylson da Piedade, 2,8 metros. (Foto: Portal de Angola)
Valdir Manuel, 2,6 metros (Petro); Cristiano Quicassa, 2,3 metros (1º de Agosto; ministro; Moussa Quicassa, 1,97 metros (Asa) e Dylson da Piedade, 2,8 metros. (Foto: Portal de Angola)
Valdir Manuel, 2,6 metros (Petro); Cristiano Quicassa, 2,3 metros (1º de Agosto; ministro; Moussa Quicassa, 1,97 metros (Asa) e Dylson da Piedade, 2,8 metros (1º de Agosto).
(Foto: Portal de Angola)

São quatro os jovens futuros basquetebolistas que vão aos Estados Unidos estudar e tentarem a sorte na NBA, a liga americana do Basquetebol, com o patrocínio de um empresário nacional. O Ministério da Juventude e Desportos garante o apoio institucional para que os referidos jovens possam vir a constituir o núcleo de futuras promessas da selecção nacional de Basquetebol.

O Portal de Angola soube que estão na mesma condição mais quatro angolanos, a fazerem formação nos Estados Unidos, num esforço particular, visando uma reviravolta nos próximos tempos da nossa bola ao cesto.  É neste sentido que o titular da pasta da Juventude e Desportos recebeu na Galeria dos Desportos, na passada sexta feira, o grupo de jovens que deve partir já nos próximos dias, para os Estados Unidos.

O grupo constituído por Dylson da Piedade, com 2,8 metros de altura (1º de Agosto) Valdir Manuel, com 2,6 metros (Petro Atlético de Luanda); Cristiano Quicassa, com 2,3 metros (1º de Agosto) e Moussa Quicassa, com 1,97 metros (ASA) foi recebido pelo ministro da Juventude e Desportos, Gonçalves Muandumba que aplaudiu a iniciativa do empresário nacional, exortando por seu turno, os atletas a engajarem-se na formação, de modo a capitalizarem conhecimentos que sirvam para inculcar à selecção nacional um outro élan desportivo.

Os atletas, cujas idades são compreendidas entre os 17 e os 20 anos foram aconselhados  a cultivarem valores tais como a simplicidade, o espírito de equipa, como forma de manterem a coesão desportiva, tão necessária nas competições internacionais, acataram as palavras do titular da pasta, prometendo não defraudar os anseios de quem os apoia. (portaldeangola.com)

1 COMENTÁRIO

  1. Com uma sociedade faminta, totalmente destruturada, com jovens talentosos sem a mínima oportunidade, por outro lado, os filhos dos lordes usam e abusam das oportunidades. Por favor mais socialização, mais justiça social, MAIS FORMAÇÃO TANTO PARA OS FORMADORES QUANTO PARA OS FORMANDO (Técnicos, alunos, professores, atelas e tantos outros). Os talentos estão em Casa, nos Bairros, nas Escolas e nas Ruas. Por favor CASSEM OS TALENTOS COM PÃO,ÁGUA, más por favor CASSEM OS TALENTOS, não os deixem invar darem para o álcool, para as drogas, para prostituição, para mal vida ou para outros mal. Por favor, Empresários Angolanos invistam na marca BASQUETEBOL, com academias (ACADEMIA DE BASQUETEBOL DE ANGOLA – ABA)….. ANGOLANO SOCORRO SENHORES E SENHORAS GOVERNANTES DESTE PAIS QUE SE CHAMA ANGOLA, SOCORRO, SOCORRO, SOCORRO !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

DEIXE UMA RESPOSTA