Mais de 300 projectos do Angola Investe beneficiam de garantia pública

Manuel Passos, Administrador do Fundo de Garantia de Crédito (Foto: Lucas Neto)
Manuel Passos, Administrador do Fundo de Garantia de Crédito (Foto: Lucas Neto)
Manuel Passos, Administrador do Fundo de Garantia de Crédito (Foto: Lucas Neto)

Trezentos e três projectos financiados pela banca comercial no âmbito do programa Angola Investe beneficiaram de garantia pública, revelou hoje, quarta-feira, em Luanda, o administrador do Fundo de Garantia de Crédito, afecto ao Ministério da Economia, Manuel Passos.

Segundo o responsável, que falava à imprensa no final de uma visita às instalações da gráfica Imprimarte, no âmbito do AngolaInveste, os referidos projectos (303) tiveram um financiamento de cerca de 59 mil milhões de kwanzas e cerca de 30 mil milhões de kwanzas em termos de garantias prestadas.

“O Fundo presta garantias com uma cobertura de até 70 porcento do capital, daí essa diferença entre o montante financiado e os montantes garantidos pelo Fundo de Garantia de Crédito”, explicou.

Considerou que o retorno tem sido satisfatório, frisando que o país não tem estado a passar por uma fase muito boa do ponto de vista do mercado.

“Temos todos a consciência que isso afecta o mercado, mas o retorno tem sido feito pelos bancos. Aqueles projectos com algumas dificuldades, os bancos apresentam soluções e as coisas têm decorrido da melhor maneira”, disse.

Sustentou que até ao momento ainda não têm garantias accionadas, “o que é um bom sinal”, enfatizou.

Relativamente à empresa Imprimarte, financiada à luz do programa AngolaInveste, disse que saem satisfeitos com a visita, porque viram que de facto o projecto está a funcionar a 100 porcento e com perspectivas ainda maiores de crescimento.

O programa AngolaInveste prevê o financiamento de projectos nos mais variados sectores da economia. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA