Kuduristas registam-se em massa na UNAC-SA

Príncipe Negro y sus Kuduristas, na UNAC-SA. (Foto: D.R.)

 

Príncipe Negro y sus Kuduristas, na UNAC-SA. (Foto: D.R.)
Príncipe Ouro Negro y sus Kuduristas, na UNAC-SA.
(Foto: D.R.)

Um grupo de kuduristas  liderado pelo animador  do programa televisivo “Sempre a Subir”, do canal 2 da TPA, Príncipe Ouro Negro,   “tomou  de assalto” a sede da UNAC-SA, para formalizar a sua adesão à organização que defende os seus direitos.

A iniciativa partiu do apresentador do programa, em resposta ao apelo da sociedade de autores angolanos, que simplicou o processo de admissão, retirando a exigência de pagamento da jóia de inscrição. Com esta facilidade a UNAC-SA estará mais próxima dos seus membros e com mais possibilidades de concretização dos seus objectivos, com o alargamento da sua base de apoio.

Recorde-se que a UNAC-SA, recentemente admitida como membro da CISAC,  subscreveu acordos de representação, além da Sociedade Portuguesa de Autores, a Abramus (Brasil), a SACEM (França) e mais recentemente com a SESAC (Estados Unidos), estando em condições de defender e gerir interesses autorais, dos artistas filiados, nas referidas organizações.

Com esta responsabilidade, a UNAC-SA está documentada para salvaguardar os direitos  de um vasto número de autores  de vários países do mundo, ganhando por isso o mérito de ser uma das poucas organizações nacionais com forte influência a nível internacional. (PA)

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA