Huíla: Mais mil crianças diagnosticadas contra várias doenças no Lubango

CRIANÇAS DO ENSINO PRIMÁRIO SÃO DIAGNOSTICADAS SOBRE VÁRIAS DOENÇAS (Foto: Gaspar Dos Santos)
CRIANÇAS DO ENSINO PRIMÁRIO SÃO DIAGNOSTICADAS SOBRE VÁRIAS DOENÇAS (Foto: Gaspar Dos Santos)
CRIANÇAS DO ENSINO PRIMÁRIO SÃO DIAGNOSTICADAS SOBRE VÁRIAS DOENÇAS (Foto: Gaspar Dos Santos)

Lubango – Pelo menos mil crianças da escola primária do primeiro ciclo no Lubango, capital da província da Huíla, beneficiaram na sexta-feira de consultas médicas gratuitas, no âmbito de uma campanha sob iniciativa da Direcção Provincial da Educação, com parceria da sua congénere da saúde.

Na actividade fez-se o rastreio do estado de saúde das crianças para que possam ter um crescimento psico-motor bom, segundo informou à Angop, nesta cidade, o supervisor da saúde escolar, Jeremias Cayeye.
De acordo com o responsável, as crianças destacadas na escola 178 no Tchioco e João de Almeida, arredores desta urbe, foram avaliadas por 30 médicos angolanos em dermatologia, ortopedia, estomatologia, oftalmologia e medicina-geral nas escolas públicas e privadas da Huíla.
Jeremias Cayeye afirmou que o trabalho de consultas médicas nestas escolas decorreu de acordo as previsões em função da afluência massiva de alunos e de crianças interessadas, residentes nas comunidades, cujas mesmas foram acompanhados pelos seus encarregados de educação.
Referiu que desde o início do ano, cerca de mil e 700 crianças já foram rastreadas em escolas da cidade do Lubango, tendo sido detectadas mil e 146 com problemas de cárie dentárias, 90 casos de oftalmologia, 168 de estomatologia, 26 de otorrinolaringologia, 41 dermatologia e  quatro cardiologia.

“As crianças detectadas com estas doenças já estão a ser tratadas e acompanhadas com médicos em diversas especialidades no Hospital Central Dr. António Agostinho Neto, visando a sua melhoria para que, no futuro, possam dar o seu contributo no desenvolvimento do país”, disse.
A próxima etapa, anunciou, arranca em janeiro de 2016 nalgumas escolas dos municípios do Lubango, Chibia, Humpata e Quipungo e, posteriormente nos restantes municípios que comportam a província da Huíla.

A Direcção Provincial da Educação, Ciência e Tecnologia tem matriculados este ano um total de 789 mil alunos que estudam em mil e 822 escolas, o que corresponde a seis mil e 287 salas de aulas. Dezanove mil e 195 professores em distintos níveis de ensino é o número de professores deste ano lectivo. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA