Explosões de supostas cartas-bomba deixam fazem mortos na China

(Arquivo) Policiais em Pequim (Foto de Mark Ralston/AF)
(Arquivo) Policiais em Pequim (Foto de Mark Ralston/AF)
(Arquivo) Policiais em Pequim (Foto de Mark Ralston/AF)

Seis pessoas morreram e dezenas ficaram feridas nesta quarta-feira no sul da China em explosões de 15 supostas cartas-bomba, em alguns casos em edifícios públicos, informou a imprensa oficial.

As explosões aconteceram em 13 pontos da região rural de Guangxi, incluindo uma prisão, um prédio do governo e uma loja, informou a polícia, citada pelo jornal local Nanguo Morning News.

De acordo com uma fonte policial citada pelo canal estatal CCTV a origem das explosões é “criminosa”.

As explosões aconteceram no distrito de Liucheng e em áreas próximas da zona rural. Fotos publicadas na internet mostram um edifício que sofreu um desabamento parcial e vários carros danificados.

“A investigação inicial mostra que os explosivos poderiam estar dentro de pacotes postais”, segundo a agência estatal Xinhua.

Nos últimos anos, vários cidadãos chineses protestaram com cartas-bomba contra as políticas do governo. (afp.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA