Explosão de botija de gás faz mais de 100 mortos na Índia

(AFP)
(AFP)
(AFP)

Ao menos 104 pessoas morreram na explosão de um botija de gás em um restaurante do Estado de Madhya Pradesh, centro da Índia, neste sábado, informou uma fonte médica.

“Até o momento confirmarmos a morte de 104 personas”, afirmou M. L. Gond, um inspector de polícia do distrito de Jhabua, à qual pertence a localidade de Petlawad, onde ocorreu a tragédia.

“Foi realizada a necropsia de 60 corpos e restam 22”, acrescentou Arum Kumar Sharma, chefe do departamento médico do distrito de Jhabua.

Ele disse ainda que o número de feridas está em torno dos cem.

A explosão aconteceu na hora em que dezenas de trabalhadores e escolares tomavam o café da manhã, informou, por sua vez, Seema Alava, superintendente adjunto da polícia de Jhabua.

As imagens da tv mostram inúmeras pessoas e equipes de socorro escavando com as mãos os restos de concreto e aço enquanto a polícia isola o bairro.

Os corpos, cobertos de pó e cinzas, foram colocados na estrada, junto a veículos calcinados.

O chefe do executivo de Madhya Pradesh, Shivraj Singh Chouhan, expressou no Twitter suas condolências.

“A tragédia de Jhabua me parte o coração. Apresento minhas condolências às famílias das vítimas e rezo pela pronta recuperação dos feridos”, afirmou .

Singh Chouhan ofereceu 200.000 rúpias (3.020 dólares) às famílias dos mortos e 50.000 rúpias (755 dólares) ao feridos.

As explosões de botijas de gás são frequentes na Índia, onde as normas de segurança geralmente não são respeitadas, mas um balanço tão elevado que não deixa de ser excepcional. (Swissinfo)

afp_tickers

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA