EUA e China de acordo para lutar contra a pirataria informática

(Euronews)
(Euronews)
(Euronews)

Estados Unidos e China chegaram a acordo em áreas sensíveis entre os dois países. Os ciberataques foram uma delas, com o presidente chinês, Xi Jinping, a garantir que “a China se opõe e combate com força o roubo de segredos comerciais e outro tipo de ataques informáticos”.

“Os nossos países estão também a avançar numa visão comum para o ambicioso acordo sobre as mudanças climáticas que vamos procurar em Paris. Quando as duas maiores economias do mundo, consumidores de energia e emissores se põem de acordo desta forma, não há razão para os países desenvolvidos ou em desenvolvimento, não fazerem o mesmo”, afirmou Barack Obama, presidente dos EUA.

Xi Jinping reafirmou o direito de Pequim a manter a sua soberania territorial sobre uma parte do Mar da China Meridional, cenário de tensões entre vizinhos asiáticos.

Durante a conferência de imprensa, na Casa Branca, Obama denunciou a situação problemática dos Direitos Humanos na China. (euronews.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA