Atacada sede do Partido Democrático do Povo na Turquia

(euronews.com)
(euronews.com)
(euronews.com)

Na Turquia, a sede do Partido Democrático do Povo (HDP), formação pró-curda, em Ancara, foi atacada por nacionalistas turcos, durante a noite.

Segundo a agência de notícias turca, Anadolu, seriam cerca de 50 pessoas que se manifestavam contra os atentados que, alegadamente, militantes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) têm vindo a conduzir contra as autoridades policiais e militares.

Um ataque bombista a um miniautocarro, que se atribui ao (PKK), provocou a morte a 13 polícias.

Por seu lado, o HDP condena os ataques à sua sede e lança acusações contra o chefe de Estado turco:

“Só esta noite houve 186 ataques. A nossa sede foi atacada. Foi, seguramente, um ataque planeado, orquestrado, vindo de um lugar em particular. O presidente e a sua equipa estão por trás destes ataques”, afirmou Alp Altinors, presidente deste partido.

As tropas turcas atravessaram, esta terça-feira, a fronteira com o Iraque, alegando estarem a perseguir militantes curdos relacionados com um atentado que vitimou mais de 16 militares turcos, na fronteira com o Iraque, no domingo.

Em resposta a este ataque mais de 40 aviões de guerra turcos atingiram alvos do PKK, na noite de segunda-feira, no norte do Iraque. (euronews.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA