Angola mobiliza-se para os Jogos Africanos da Zona 5

A Comissão Inter-Ministerial dos Jogos Africanos da Zona 5 integra os Ministérios da Juventude e Desportos, Construção, Saúde, Interior, Comunicação Social, Hotelaria e Turismo, Educação e assessores do Presidente da República. (Foto: Portal de Angola)
A Comissão Inter-Ministerial dos Jogos Africanos da Zona 5 integra os Ministérios da Juventude e Desportos, Construção, Saúde, Interior, Comunicação Social, Hotelaria e Turismo, Educação e assessores do Presidente da República. (Foto: Portal de Angola)
A Comissão Inter-Ministerial dos Jogos Africanos da Zona 5 integra os Ministérios da Juventude e Desportos, Urbanismo e Habitação, Saúde, Interior, Comunicação Social, Hotelaria e Turismo, Educação e assessor do Presidente da República.
(Foto: Portal de Angola)

É grande o interesse das autoridades angolanas, na realização dos Jogos Africanos da Zona 5. Apesar da conjuntura económica nada favorável, tudo se conjuga para que em Dezembro de 2016 seja hasteada no país, a bandeira Olímpica em mais uma jornada desportiva, englobando várias modalidades. O Desporto em Angola é uma divisa que não se pode descurar, tal o esforço desenvolvido desde 1981, altura em que as autoridades do país deram um primeiro passo, na organização dos Jogos da África Central, que mostraram ao continente um potencial para competição em várias disciplinas.

O representante da Presidência da República, Flávio Saraiva de Carvalho Fonseca, ex-embaixador de Angola nos Emirados Árabes Undidos e antigo atleta praticante de andebol no ex-Liceu Paulo Dias de Novais, em Luanda. (Foto: Portal de Angola)
O representante da Presidência da República, Flávio Saraiva de Carvalho Fonseca, ex-embaixador de Angola nos Emirados Árabes Unidos e antigo  praticante de andebol no ex-Liceu Paulo Dias de Novais, em Luanda.
(Foto: Portal de Angola)

Os Jogos da África Central produziram resultados positivos, em modalidades individuais, como o Atletismo, com um campeão de ouro nos 1500 metros, na pessoa do atleta Bernardo Manuel, no Judo com João Merino e outras disciplinas, como a natação, o basquetebol, o andebol, o voleibol, a vela, ginástica, etc. Todas as disciplinas inscritas no passado, no sistema escolar produziram valores que distinguem o país em variadíssimos aspectos.

O ministro do Urbanismo e Habitação, no uso da palavra, durante a reunião Inter-Ministerial dos Jogos da Zona 5, da União Africana. (Foto: Portal de Angola)
O ministro do Urbanismo e Habitação, José Silva, no uso da palavra, durante a reunião Inter-Ministerial dos Jogos da Zona 5, da União Africana.
(Foto: Portal de Angola)

De então para cá o Desporto tem merecido uma particular atenção e não é por acaso que, ao constituir um Ministério, englobando áreas importantes da sociedade angolana (Juventude e Desporto), tem vindo a mostrar apreciável trabalho. Hoje é com muito orgulho que o país atingiu patamares de realização, com resultados bastante positivos. A assumpção do ensino superior pelo Executivo visa conferir outra dinâmica ao Desporto e produzir uma cadeia de valores em vários sentidos.

Os representantes doos Ministérios da Comunicação Social,  Interior e da Presidência da República com o anfitrião, Gonçalves Muandumba. (Foto: Portal de Angola)
Os representantes doos Ministérios da Comunicação Social, Interior e da Presidência da República com o anfitrião, Gonçalves Muandumba.
(Foto: Portal de Angola)

No capítulo das infraestruturas o país deu um significativo passo e aos poucos vai criando condições para satisfazer as necessidades em várias regiões, esbatendo deste modo a grande carência que se fazia sentir neste domínio. As modalidades mais importantes (Futebol, basquetebol, andebol, natação, voleibol, ténis de campo e de mesa, etc.) estão protegidas por recintos de nível internacional, podendo albergar certames, quer regionais ou intercontinentais. É neste sentido que se compreende a realização dos Jogos Africanos da Zona 5 em Angola, sob o alto patrocínio da União Africana em 2016. Mais um conjunto de infraestruturas servirá para fortalecer o parque nacional, que paulatinamente vai ganhando e criando espaços de competição em vários domínios. (portaldeangola.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA