Acesso aos terminais marítimos em Luanda em reabilitação

REABILITAÇÃO DO TROÇO UNICARGA/SOGESTER (Foto: Angop)

A melhoria dos acessos aos terminais marítimos do porto de Luanda, em curso desde Janeiro deste ano, entrou, nesta semana, na fase de criação de valas de drenagem, para posterior compactação do solo.

REABILITAÇÃO DO TROÇO UNICARGA/SOGESTER (Foto: Angop)
REABILITAÇÃO DO TROÇO UNICARGA/SOGESTER (Foto: Angop)

Trata-se das entradas dos terminais da Unicarga, Multi-Terminais, Mano Porto, MPCO e Sogester, cuja reabilitação, a cargo de uma construtora nacional, e enquadra-se no programa de recuperação dos 850 metros do troço rodoviário Unicargas/Sogester, na zona da Boavista.

Ambrósio Augusto, um dos responsáveis da obra, disse à Angop que a empreitada compreende a terraplenagem, compactação do solo, criação de valas de drenagem, asfaltamento, bem como a colocação de placas de sinalização e postos de iluminação pública.

Indicou que, antes, foram localizados os cabos eléctricos, de comunicação e de condutas de água para evitar a sua danificação.

Ambrósio Augusto afirmou que a obra visa facilitar a mobilidade do tráfego
automóvel da zona da Boavista aos terminais.

Além desta empreitada, existem outras que fazem parte da requalificação da zona da Boavista, tais como a via da Sonils à estrada do Kima Kienda, a continuidade da estrada da Sonils e sua ligação com a via expressa Luanda/Kifangondo, as duplicações das pontes sobre a rotunda da Boavista, a passagem superior do Caminho-de-Ferro e o rio Suroca, bem como o projecto de protecção e estabilização das encostas da Boavista. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA