Zaire: Registados 86 casos de violação de fronteira

86 imigrantes ilegais (Foto: Angop)

Mbanza Congo – Oitenta e seis casos de violação do perímetro fronteiriço entre a província do Zaire e a região do Baixo Congo (RDC) foram registados de Janeiro a Junho do corrente ano pela Polícia de Guarda Fronteira, verificando-se uma diminuição de nove ocorrências em relação ao I semestre de 2014.

86 imigrantes ilegais (Foto: Angop)
86 imigrantes ilegais (Foto: Angop)

Segundo o porta-voz do Comando Provincial do Zaire da Polícia Nacional, inspector-chefe Luís Bernardo, que avançou a informação hoje, quarta-feira, à Angop, em Mbanza Congo, em função das infracções foram detidos 245 cidadãos da República Democrática do Congo.

Explicou que das infracções fronteiriças 53 ocorreram na área da responsabilidade da 3ª unidade de Mbanza Congo que abarca as localidades de Cuimba e Mpala e 33 casos na 2ª unidade que congrega os postos naval e de Kinguvo, no município do Soyo.

No quadro das acções de busca e recolha de estrangeiros em situação migratória ilegal, a fonte disse terem sido interpelados e detidos, em diversos pontos da província do Zaire, 2 mil e 977 cidadãos de diversas nacionalidades.

Acrescentou que deste número, 2 mil e 183 estrangeiros foram repatriados pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) para os respectivos países de origem.

No mesmo período, disse, 12 cidadãos nacionais foram detidos por presumível promoção e auxílio à imigração ilegal.

Informou, por outro lado, que durante o período em balanço, a Polícia de Guarda Fronteira destacada no posto fronteiriço do Luvo, município de Mbanza Congo, apreendeu 33 mil e 160 litros de combustível por suposto contrabando de derivados de petróleo.

Situada a norte de Angola, a província do Zaire partilha 330 quilómetros de fronteira com a região do Baixo Congo. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA