Zaire: Registados 200 casos de gravidez precoce no Soyo

Responsável afirma que continuam registar casos de gravidez precoce (Foto: Angop)

Soyo – Duzentos casos de gravidez precoce foram registados de Janeiro a Agosto do corrente ano pelas autoridades sanitárias do município do Soyo, província do Zaire, informou hoje, terça-feira, à Angop, o responsável municipal da saúde pública e controlo de endemias, José Pedro Cristina.

Responsável afirma que continuam registar casos de gravidez precoce (Foto:  Angop)
Responsável afirma que continuam registar casos de gravidez precoce (Foto: Angop)

Segundo o responsável, em comparação a igual período de 2014 houve um aumento de 143 casos, envolvendo adolescentes com idades compreendidas entre os 14 e 16 anos.

A fonte apontou a falta de diálogo, assim como a pouca informação sobre a educação sexual e a influência das novas tecnologias de informação e comunicação como as principais causas deste fenómeno.

Para o efeito, o responsável da saúde pública e controlo de endemias na região advogou a necessidade de se redobrar as acções de educação sexual no seio dos adolescentes com a realização de mais palestras.

José Pedro Cristina apelou aos pais e encarregados de educação no sentido de assumirem o seu verdadeiro papel mantendo diálogo regular com os seus educandos. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA