UNAP promove concurso de artes plástica “Libertarte-40 anos, 40 artistas”

ANTÓNIO ANA "ETONA" SECRETÁRIO-GERAL DA UNAP (Foto: Angop)

A União Nacional dos Artistas Plásticos (UNAP) vai promover um concurso de artes plásticas, de âmbito nacional, denominado “Libertarte-40 anos, 40 artistas”, inserido nos 40 anos de Independência Nacional do país, a assinalar-se no dia 11 de Novembro.

ANTÓNIO ANA "ETONA" SECRETÁRIO-GERAL DA UNAP (Foto: Angop)
ANTÓNIO ANA “ETONA” SECRETÁRIO-GERAL DA UNAP (Foto: Angop)

Em declarações à imprensa à margem da conferência de imprensa, organizada pela UNAP, o seu secretário-geral, António Tomás “Etona”, referiu que o concurso de expressão plástica servirá, sobretudo, para homenagear o espírito criativo e talento empreendedor de todos os angolanos.

Etona adiantou que o evento tem três objectivos principais: levar a arte a contribuir para uma maior consciencialização histórica das gerações presentes e futuras, valorizara a arte e a cultura angolana pelos seus artistas, lançando-lhes um apelo para que estes divulguem o seu trabalho enquanto expressão da história de um país e de um povo e envolver todos os sectores da sociedade em torno da arte e da cultura como veículo privilegiado para a promoção e coesão da identidade nacional.

“Na qualidade de organizador, a UNAP vai apoiar a produção e divulgação da arte angolana. Ao organizar esta actividade no âmbito das festas da independência, a união está a ser o porta-voz deste momento de alegria e celebrações”, acrescentou.

Referiu que os artistas interessados deverão submeter os seus trabalhos, mandado para o site da organização ou na página do Facebook, ou deixar na sede da UNAP, os trabalhos, em seguida, vão ser seleccionadas as 40 melhores obras pelo júri do concurso.

“As obras seleccionadas vão estar em exposição pública, na Baia de Luanda, e será dado a conhecer os artistas que vão ser distinguidos, numa votação que a ser feita pelos membros de júri e pelo público no site da organização, pelo Facebook, ou no local da exposição”, explicou.

Etona sublinhou que poderão concorrer todos os artistas, tanto os filiados na UNAP ou não, sendo que as obras em concurso podem ser todas aquelas produzidas durante os 40 anos de independência do país. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA