Turquia: Dia sangrento (Vídeo)

(D.R)
(D.R)
(D.R)

A Turquia chora os seus mortos num dia de ataques sangrentos contra polícia turca.

O presidente Recep Tayiip Erdogan foi a principal figura numa cerimónia fúnebre de Estado para o chefe da divisão de minas e armadilhas da polícia da Turquia, morto por dois homens armados.

A sua unidade policial foi alvejada quando estava numa esquadra de Istambul a investigar um mortífero atentado à bomba na véspera que feriu três polícias e quatro civis. Os atacantes foram eliminados pelas forças de segurança.

O consulado americano foi também palco de um ataque. Não houve vítimas. Duas pessoas atacaram o edifício, uma escapou, outra, uma mulher, foi intercetada. Tem cadastro e pertencerá a um grupo marxista – A Frente/Exército Revolucionária de Libertação do Povo.

Nenhum dos ataques foi reivindicado.

Na fronteira com a Síria e o Iraque, região onde os militantes curdos do PKK estão mais ativos também se registou um incidente. Quatro polícias morreram quando a viatura blindada onde seguiam foi atingida por uma mina. (euronews.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA