Totó pede maior apoio à classe artística nacional

cantor e compositor Totó (D.R)
cantor e compositor Totó (D.R)
cantor e compositor Totó (D.R)

O cantor e compositor Totó disse, ontem, que é importante existir um maior apoio aos artistas angolanos, de forma que estes possam ter mais possibilidades de internacionalizar os seus trabalhos.

O cantor, que fez estas declarações durante uma visita ao estúdio da Casa da Música, referiu que um maior investimento em projectos artísticos pode ajudar os angolanos a difundirem mais a música no estrangeiro, de uma forma organizada e melhor sustentada.

“Chegou a altura de dar a conhecer ao Mundo aquilo que os artistas nacionais produzem, visto que a música nacional é rica e bela”, argumentou o músico.

Totó admitiu que, actualmente, a internacionalização da música angolana está limitada apenas aos países lusófonos, fundamentalmente Portugal, Moçambique e Cabo-Verde.

O músico sugeriu ainda aos artistas angolanos para serem mais “ousados” e levarem as suas músicas a países em que não tenham como língua oficial o português, de forma que os ritmos nacionais sejam conhecidos e apreciados mundialmente. A música nacional, reforçou o artista, tem qualidade rítmica suficiente para penetrar em países de grande influência cultural.

Na mesma esteira, exortou a nova geração de músicos a darem continuidade ao trabalho positivo iniciado por Bonga, Teta Lando e Waldemar Bastos, em prol da internacionalização da música angolana. (ja.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA