Província terá empresa de gestão de infra-estruturas das águas

Abel João da Costa, director provincial das Águas da Huila (Foto: D.R.)
Abel João da Costa, director provincial das Águas  da Huila (Foto: D.R.)
Abel João da Costa, director provincial das Águas da Huila
(Foto: D.R.)

Uma empresa pública de gestão das infra-estruturas ligada aos sistemas de captação e redes de distribuição de água potável nos 14 municípios da província da Huíla deve, em breve, ser criada, com o fito de tornar o sector auto-sustentável.

Nesta sexta-feira chega ao Lubango uma delegação liderada pelo director nacional das águas, Lucrécio Costa, para com as autoridades locais discutir os detalhes da criação desta empresa.

Segundo o director provincial de energia e águas, Abel João da Costa, que prestou a informação, a futura Empresa de Gestão de Águas vai funcionar com quadros qualificados do ponto de vista técnico, gestão financeira e recursos humanos para facturação e cobranças.

Disse que esta empresa vai tratar igualmente de todas envolventes ligadas a água, mormente o processo de manutenção dos sistemas, ressaltando o investimento do governo no sector, que precisa ser compensado pelos consumidores.

Lembrou que o governo provincial aprovou uma série de tarifas para cada localidade e estão a trabalhar junto dos administradores a necessidade de se intensificar as cobranças, para que sejam repostos os investimentos e se garantam os elementos de operação e manutenção dos sistemas.

A delegação da direcção nacional de águas trabalhará por dois dias na província da Huíla. (Angop/Expansão)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA