Primeira-Dama maliana doa 4000 reagentes rápidos para despistagem do HIV/Sida e sífilis

BANDEIRA DO MALI (D.R)
BANDEIRA DO MALI (D.R)
BANDEIRA DO MALI (D.R)

A esposa do Presidente maliano,  Aminata Maïga Keita, entregou terça-feira ao Ministério da Saúde e Higiene Pública, quatro mil reagentes rápidos para a despistagem do HIV  e da sífilis, soube a PANA de fonte oficial.

Este gesto inscreve-se no quadro das atividades da Organização das Primeiras Damas de África contra o HIV/Sida (OPDAS). As esposas dos chefes de Estado africanos  envolveram-se no alcance do objetivo dos “três zeros” para uma geração sem sida. Esta estratégia  é subtendida pela eliminação da transmissão da mãe para o filho.

Estes quatro mil reagentes rápidos são o resultado da parceria  público-privada entre o grupo Alère e a Organização das Primeiras Damas de África e destinam-se ao programa de eliminação da transmissão mãe-filho.

Para  Keita Aminata Maïga, isso permitirá à OPDAS-Mali contribuir para o esforço nacional na prevenção, gestão e redução do HIV/Sida, e apoiar os esforços do Governo maliano em matéria de eliminação da transmissão mãe-filho do HIV/Sida tal como editado pelos objetivos da OPDAS.

Segundo o ministro maliano da Saúde e Higiene Pública, Ousmane Koné, os reagentes serão utilizados exclusivamente para a despistagem das mulheres grávidas  observadas  em consultas pré-natais nas estruturas  sanitárias.

Alère  é uma empresa farmacêutica instalada na África do Sul. Ela está especializada no desenvolvimento de instrumentos de diagnósticos inovadores. O grupo Alère apoia a OPDAS na luta contra o HIV/Sida, colocando à disposição dos países-membros da organização testes de diagnósticos rápidos. (panapress.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA