Portugal: Fuga ao Fisco no comércio do ouro lesa o Estado em mais de 4,5 milhões de euros

(ECONOMICO)
(ECONOMICO)
(ECONOMICO)

IGF revela que centenas de operadores encerraram actividade fiscal, mas mantêm licença e fogem ao IVA. Quebra de receita fiscal pode ser superior com IRS e IRC em falta.

Centenas de operadores com actividade fiscal encerrada há vários anos continuam a operar no comércio de ouro usado e a fugir ao Fisco. O potencial de receita de IVA que deixa de entrar nos cofres do Estado é superior a 4,5 milhões de euros. Mas o impacto negativo nas receitas de impostos é ainda maior, devido às implicações em sede de IRS e IRC, tratando-se de uma área de negócio sem controlo adequado pela Autoridade Tributária e Aduaneira (AT). O alerta parte da Inspecção Geral de Finanças (IGF) e decorre de auditorias realizadas aos sistemas de controlo tributário de áreas de risco de fraude e evasão fiscais.  (economico.pt)

por Lígia Simões

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA