Obama não quer opinar sobre candidatos à presidência dos EUA

(AFP)
(AFP)
(AFP)

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, reforçou nesta segunda-feira que não tem a intenção de opinar sobre os candidatos para as eleições de 2016, em um momento em que o vice-presidente Joe Biden pôs sua campanha à Casa Branca em dúvida.

“Chegará a hora de se interessar pela eleição presidencial (em Novembro de 2016), mas por enquanto o presidente se concentra no seu trabalho”, explicou nesta segunda-feira o seu porta-voz Josh Earnest ao ser questionado sobre uma possível pré-candidatura de Biden nas primárias democratas, em que enfrentaria a ex-secretária de Estado Hillary Clinton.

Clinton, grande favorita à candidatura do partido actualmente no governo, atravessa um período difícil. Ela tem sido prejudicada pela revelação sobre o uso de seu e-mail pessoal enquanto esteve à frente da diplomacia americana, entre 2009 e 2013.

Biden, de 72 anos, já testou a sorte -sem sucesso duas vezes nas primárias democratas, em 1998 e 2008. O vice-presidente afirmou que decidir sobre a sua pré-candidatura até o dia 23 Setembro.

“Tem um mês pela frente”, disse Josh Earnest, insistindo sobre a dimensão “eminentemente pessoal” da decisão.

Obama e Biden almoçaram juntos na Casa Branca nesta segunda-feira, após o fim das duas semanas de férias do presidente. No entanto, não há informações sobre o encontro. (afp.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA