Namibe: Administração do Tômbwa distribui lotes de terreno à população

Entregue mais de 1000 lotes para auto-construção dirigida (Foto: Angop)

Namibe – Mil lotes de terrenos, dos quatro mil previstos inicialmente, localizados na nova urbanização do município do Tômbwa, foram distribuídos desde o principio do mês em curso pela administração municipal, no âmbito do programa de auto construção dirigida em curso na província.

Entregue mais de 1000 lotes para auto-construção dirigida (Foto: Angop)
Entregue mais de 1000 lotes para auto-construção dirigida (Foto: Angop)

Os lotes talhonados numa superfície de oito hectares estão a ser distribuídos com os respectivos títulos de concessão de terra, segundo o administrador municipal, José Tchindongo, em declarações quinta-feira, à Angop.

Garantiu que o governo vai continuar a distribuir lotes para construção de residência das populações, visando melhorar as condições de vida dos cidadãos em termos habitacionais.

O responsável apelou à população beneficiária a seguir com os requisitos exigidos pela administração, no que tange as regras de construção estipulados nos croquis de localização e as respectivas plantas de construção.

Disse ainda que os primeiros beneficiários são os que viviam em algumas unidades de pescas degradadas há mais de dez anos.

“Para a população que ainda apresenta alguma dificuldade em termos financeiros a administração está a fazer a entrega de chapas de zinco e blocos de adobe para o levantamento de uma parte da sua residência, permitindo assim que este possa de facto estar bem acomodado”, acrescentou o responsável.

Referiu ainda que na nova zona urbanizada já existe uma escola de seis salas de aulas, um centro infantil comunitário com capacidade para albergar cerca de duzentas crianças dos dois aos cinco anos de idade e, um centro de saude.

“Para que os nosso cidadão possam construir de forma rápida a sua residência, a administração colocou neste local, um sistema de água e com ajuda da classe empresarial está a efectuar a terraplangem das vias, permitindo assim melhor acesso, visto que esta área tem muita areia”, referiu o administrador.

A zona será ainda protegida com uma cortina florestal por forma a proteger as populações do avanço das areias e visando o combate a desertificação, factor este que tem vindo a agravar-se nos últimos anos com os ventos fortes.

Jose Tchindongo exortou ainda aos beneficiários a construírem dentro dos prazos estabelecidos pela administração municipal, de modo a evitar que os terrenos permaneçam abandonados.

O município do Tômbwa situa-se 93 quilómetros a sul da provincial do Namibe e possui cerca de cinquenta mil habitantes na sua maioria pescadores e agricultores. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA