Luís Montenegro queria mais membros do grupo parlamentar nas listas

Luís Montenegro (D.R)

Líder parlamentar não queria excluir ninguém da direcção do grupo parlamentar, mas Passos Coelho teve outro entendimento.

Luís Montenegro (D.R)
Luís Montenegro (D.R)

Era pretensão de Luís Montenegro incluir na lista de deputados do PSD todos os nomes que fazem parte, actualmente, da direcção do grupo parlamentar. O líder parlamentar fez força para que tal acontecesse, segundo o Diário de Notícias, mas Passos Coelho não cedeu.

Assim sendo, e também devido à quota nacional – indicações da direcção do partido para privilegiar membros do Governo e dirigentes nacionais – alguns nomes tiveram de ficar de fora.

Foi o caso de António Rodrigues e Mónica Ferro, ambos candidatos ao Parlamento em 2011 pelo círculo de Lisboa. Aliás, no mesmo círculo, o primeiro nome que não vem da direcção é o de Sandra Pereira, que ocupa o nono lugar.

De acordo com o Diário de Notícias, Luís Montenegro – que trabalhou nas listas juntamente com Marco António Costa e José Matos Rosa – ainda tentou que a direcção o grupo parlamentar fosse contabilizada na quota nacional, mas em vão.

Ouvido pelo mesmo jornal, António Rodrigues diz ter ficado “surpreendido” por não ser incluído na lista, mas assumiu que “só se consegue fazer renovação se alguns saírem das listas, sob pena de se eternizarem”. (noticiasaominuto.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA