Juan Manuel de Barandica será o novo embaixador espanhol em Lisboa

(D.R)

Barandica foi agraciado pelo presidente Jorge Sampaio com a Grã-Cruz da Ordem do Infante Dom Henrique.

(D.R)
(D.R)

O diplomata Juan Manuel de Barandica será o novo embaixador de Espanha em Portugal, substituindo Eduardo Junco, disse à Lusa fonte oficial do Ministério dos Assuntos Exteriores espanhol.

Barandica, de 67 anos, já foi embaixador na Líbia, na República Checa e na Áustria mas a sua mais recente colocação foi como embaixador na Unesco, a divisão das Nações Unidas para a educação e cultura. Saiu a 31 de julho, sendo substituído por María Teresa Lizaranzu.

O até agora embaixador em Lisboa, Eduardo Junco, cumpriu 70 anos a 10 de agosto e sai por motivo de reforma. Junco iniciou funções em abril de 2012, perfazendo assim três anos no cargo, o limite temporal segundo o novo Regulamento da Carreira Diplomática de Espanha.

Juan Manuel de Barandica iniciou a carreira diplomática em 1972, como secretário de 3.ª classe. Em 1974 foi encarregado de Negócios na representação consular e comercial de Bucareste e no ano seguinte em Londres.

Foi diretor de Assuntos Políticos para a América do Norte (1981) e em 1990 foi o “número 2” da embaixada de Espanha em Budapeste. Em 1993 foi embaixador na Líbia, em 1996 na República Checa. Em 2000 foi diretor-geral de Protocolo, Chancelaria e Ordens e em 2004 embaixador na Áustria.

Em 2008 foi embaixador em missão especial para Assuntos Estratégicos.

Em setembro do ano 2000 foi agraciado pelo presidente Jorge Sampaio com a Grã-Cruz da Ordem do Infante Dom Henrique. O ‘site’ da Presidência da República portuguesa confirma a distinção atribuída, mas não indica os motivos. (dn.pt)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA