Inauguração da Feira da Sociedade Civil – Cruz Vermelha de Angola

Feira de produtos agrícolas, no Bié (Foto: D.R.)
Feira de produtos agrícolas, no Bié (Foto: D.R.)
Feira de produtos agrícolas, no Bié
(Foto: D.R.)

A Administração Municipal do Cuito, a Cruz Vermelha de Angola e de Espanha inauguraram hoje a IV Feira de Promoção, Valorização da Acção da Sociedade Civil.

– O Doutor Nelson Quinta, Administrador Municipal Adjunto para Área Social do Cuito, o Senhor Gabriel Graça Vieira, Coordenador do Fórum e o Senhor Eduardo Jonatão Antonio, Coordenador Geral do Convénio CVA/CRE foram os encarregados de inaugurar o evento no município de Cuito.

– Os camponeses, beneficiários duma das acções do Convênio, venderam todos os produtos que trouxeram no dia de hoje. Membros de Cooperativas trarão mais amanhã.

– Esta actividade faz parte do Convênio de Fortalecimento Institucional e da Sociedade Civil da Cruz Vermelha de Angola (CVA) a sua congénere Espanhola.

A IV Feira de Promoção, Valorização e Fortalecimento da Sociedade Civil organizada pela CVA/CRE (entre outras organizações) foi inaugurada hoje, 21 de agosto, pelo Dr. Nelson Quinta,  Administrador municipal Adjunto para Área Social do Cuito, o Senhor Gabriel Vieira Graça, Coordenador fo Fórum da OSC-Kuito e o Sr. Eduardo Jonatão Antonio, Coordenador Geral do Convênio da CVA em parceria com a CRE.

Comercialização dos produtos agrícolas da cooperativa. (Foto: D.R.)
Comercialização dos produtos agrícolas da cooperativa.
(Foto: D.R.)

No marco da inauguração, o Dr. Quinta destacou que “a sociedade civil desempenha um papel fundamental na defesa dos direitos básicos e na criação de opções essenciais para a promoção social dos cidadãos para combater a pobreza e a fome”.

Além disso, Quinta também apontou que “a sociedade civil contribui ao desenvolvimento social e económico”. “Queremos encorajar que continuem a trabalhar para o desenvolvimento de nossa sociedade, sobre tudo prestando uma especial atenção ás pessoas mais carenciadas”.

Por outro lado, o Coordenador Geral do Convênio CVA/CRE, o senhor Eduardo Jonatão Antonio, fez uma retrospectiva pormenorizada de todas as actividades realizadas desde o início do Convénio até agora no marco do Convênio “Fortalecimento Institucional e da Sociedade Civil nas zonas de actuação de Cooperação Espanhola em Angola” nos municípios de Camacupa, Cunhinga e Cuito. 2

O senhor Jonatão explicou que o Convênio tem dois objectivos específicos principais: “fortalecer as Instituições Públicas e da Sociedade Civil e melhorar as capacidades das famílias camponesas pertencentes a 12 agrupações, sendo 4 Escolas de campo e 8 Cooperativas dos municipios de Camacupa, Cunhinga e Cuito”.

Camponeses beneficiários. (Foto: D.R.)
Camponeses beneficiários.
(Foto: D.R.)

Uma vez inaugurada a Feira, foi realizada uma visita individualizada às barracas das Organizações da Sociedade Civil, Cooperativas e Escolas de Campo (ECAs), que são beneficiários das acções agrícolas deste Convênio.

Sucesso nas vendas

Os participantes de cada barraca explicaram o trabalho e as actividades que eles realizam e os produtos que cultivam, produzem e vendem (no caso das Cooperativas e as ECAs).

Os camponeses beneficiários do Convênio venderam quase todos os produtos que eles trouxeram. Membros das Cooperativas trarão mais amanhã, sábado 22 de agosto, das 8 às 14 horas.

Além disso, os participantes têm distribuído folhetos informativos com os detalhes de contacto de Cooperativas e ECAs aos clientes e pessoas do Kuito que estavam na Feira para futuras compras. (Consultoria de Comunicação Cruz Vermelha de Angola)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA