Huambo: Direcção da Saúde projecta realização de concurso público

HUAMBO: DIRECTOR PROVINCIAL DA SAÚDE - FREDERICO JULIANA (Foto: Valentino Yequenha)

Huambo – O director da Saúde na província do Huambo, Frederico Juliana, anunciou, na última quinta-feira, a pretensão da instituição em solicitar, ao Governo, um concurso público interno para admissão dos técnicos recém-formados, em substituição dos falecidos, reformados e desistentes do sector.

HUAMBO: DIRECTOR PROVINCIAL DA SAÚDE - FREDERICO JULIANA (Foto: Valentino Yequenha)
HUAMBO: DIRECTOR PROVINCIAL DA SAÚDE – FREDERICO JULIANA (Foto: Valentino Yequenha)

O responsável falou num encontro com os médicos, electro-médicos, técnicos superiores de enfermagem e de diagnóstico terapêutico, formados recentemente em Angola, Cuba e Rússia.

“Apesar da actual situação financeira do país, vamos advogar junto do Governo do Huambo a necessidade da realização deste concurso público interno, visto que existem trabalhadores reformados, falecidos e desistentes, mas com o fundo salarial existente. Pretendemos fazer um esforço para que tal desiderato seja alcançado com êxito”, asseverou o responsável.

Frederico Juliana assegurou que o Governo fará tudo para resolver a questão do enquadramento de todos os recém-formados, tendo para o efeito, exortado os chefes de repartições municipais de saúde e os gestores das unidades sanitárias a celebrarem contratos com todos os graduados, para que contribuam na melhoria das condições de vida da população, através da aplicação dos conhecimentos adquiridos.

O responsável disse também que o sector da Saúde pretende, para os próximos tempos, aumentar as matriculas nos cursos de pós-graduação, principalmente nas especialidades com maior necessidade na província do Huambo, designadamente pediatria, medicina interna, ginecologia obstétrica e anestesiologia.

Na mesma perspectiva, referiu que pretende-se aumentar os cursos de especialização pós-média nas áreas de instrumentação cirúrgica, parteira, pediatria, anestesiologia na Escola de Formação de Técnicos Médios de Saúde, em colaboração com o Hospital Central da região. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA