Enviado especial do Presidente do Uganda termina visita ao país

Ministro da Defesa do Uganda chega a Luanda. Crispus Kiyonga (DR)

O enviado especial do Presidente do Uganda, o ministro da Defesa, Chrispus Kiyonga, terminou hoje, quarta-feira, a sua vista de três dias ao país, que visou a entrega de uma mensagem de Yoweri Museveni ao seu homólogo angolano, José Eduardo dos Santos.

Ministro da Defesa do Uganda chega a Luanda. Crispus Kiyonga (DR)
Ministro da Defesa do Uganda chega a Luanda. Crispus Kiyonga (DR)

Durante a sua estadia no país, o emissário foi recebido em audiência, na terça-feira, pelo Chefe de Estado angolano, a quem entregou a missiva do estadista ugandês, e com quem analisou o estado actual da cooperação entre os dois países.

Em declarações à Angop, no Aeroporto Internacional 04 de Fevereiro, Chrispus Kiyonga afirmou que, no âmbito das instituições de que são membros, nomeadamente a União Africana (UA) e a Conferência Internacional para a Região dos Grandes Lagos (CIRGL), ambos estados partilham ideias e têm cooperado de forma forte no sentido de promover a paz na região.

A propósito, o entrevistado referiu-se ao actual quadro das “forças negativas” e movimentos terroristas que criam conflitos na RD Congo, a situação na RCA, no seu próprio país, bem como no Burundi, que criam instabilidade na região dos Grandes Lagos e que devem ser combatidos.

Diante da situação, reafirmou que Angola e o Uganda têm grandes desafios para promover a paz nos países da CIRGL e combater as “forças negativas”, visto que a conferência é actualmente liderada pelo presidente José Eduardo dos Santos, em substituição do estadista ugandês, Yoweri Museveni.

As repúblicas de Angola e do Uganda desenvolvem excelentes relações de cooperação, principalmente nos domínios político-diplomático, assim como no ramo da defesa e segurança, principalmente no quadro da CIRGL, instituição do qual ambos os estados são membros. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA