Cunene : SME regista mais de 13 mil movimentos migratórios

Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) (D.R)

Ondjiva – Treze mil e 679 movimentos migratórios foram registados, nos últimos sete dias, pelo Serviço de Migração e Estrangeiros (SME), através dos postos fronteiriços de Santa – Clara, Ruacaná e Calueque, perímetro fronteiriço entre a província do Cunene e a República da Namíbia.

Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) (D.R)
Serviço de Migração e Estrangeiros (SME) (D.R)

Os dados constam do relatório da instituição, chegado hoje, terça-feira, à Angop, tendo um aumento de três mil e seis em relação ao igual período anterior.

Consta do número total do movimento migratório, nove oito mil e 208 são cidadãos nacionais e cinco mil 471 são cidadãos namibianos, sul-africanos, portugueses, libaneses, britânicos, alemães e congoleses.

O documento informa ainda que no período em causa, o órgão do SME procedeu a recusa de entrada, no território nacional, de dois cidadãos estrangeiros, por falta de visto de entrada, bem como impediu três angolanos de saírem do país por falta declaração da Direcção do Registo Militar (DRM).

No âmbito da emissão de passaportes ordinários, o órgão recepcionou 58 pedidos, dos quais 33 para emissão e 23 para a reemissão, bem como foram emitidos 457 passes de travessias, 14 salvo-condutos e 67 passaportes. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA