Comandante das Farc anuncia manutenção da trégua unilateral na Colômbia

(swissinfo.ch)

A guerrilha das Farc decidiu manter o cessar-fogo unilateral decretado há um mês para favorecer um ambiente apropriado para as negociações de paz com o governo colombiano que acontecem em Cuba, anunciou um de seus comandantes.

(swissinfo.ch)
(swissinfo.ch)

“Ratificamos nossa decisão de manter o cessar-fogo unilateral”, disse à imprensa o comandante Carlos Antonio Lozada, um dos delegados da guerrilha nos diálogos de paz de Havana, sem revelar por quanto tempo a medida será prorrogada.

As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) mantêm negociações de paz em Havana com o governo do presidente Juan Manuel Santos desde novembro de 2012, em busca da tentativa de acabar com o conflito armado de meio século e alcançar uma paz duradoura e aceitável para todas as partes.

Mas as negociações passaram a correr perigo há dois meses, a partir de ataques e combates com várias baixas para os dois lados.

Para evitar o colapso das negociações, o governo e a guerrilha alcançaram há um mês um acordo de ‘desescalada’ do conflito armado, mediado pelo países garantes e acompanhantes do processo, Cuba, Noruega, Venezuela e Chile, respectivamente.

afp_tickers (swissinfo.ch)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA