BUE efectua cadastramento de empreendedores informais

MARIA CATUVALA, RESPONSÁVEL DO BUÉ (Foto: Angop)

Huambo – O Balcão Único do Empreendedor (BUE) na província do Huambo está a efectuar, desde o mês passado, o cadastramento de empreendedores informais, com objectivo de constituir micros, pequenas e médias empresas.

MARIA CATUVALA, RESPONSÁVEL DO BUÉ (Foto: Angop)
MARIA CATUVALA, RESPONSÁVEL DO BUÉ (Foto: Angop)

Ao informar o facto segunda-feira à Angop, a coordenadora do BUE, Maria da Conceição Catuvala, explicou que esta iniciativa visa, também, a legalização dos empreendedores informais, permitindo que estes contribuam nas receitas do país, através do pagamento de impostos, bem como terem acesso ao crédito bancário.

Fez saber ainda que depois do cadastramento, os empreendedores informais vão beneficiar de formação em gestão de pequenos negócios, no Instituto Nacional de Pequenas e Médias Empresas.

A principal intenção do Balcão Único do Empreendedor, segundo Maria da Conceição Catuvala, é terminar com as actividades mercantis informais realizadas nas zonas urbanas e rurais por via de cantinas, farmácias, salões de beleza, serralharias, carpintarias, entre outros, apenas com o aval das administrações municipais.

Por isso apelou ao epreendedores no sentido de colaborarem para a concretização do projecto, que vai ser executado em toda a extensão da província do Huambo.

Desde o início do processo, informou, foram já cadastrados 1.832 micro-empreendedores em nove dos 11 municípios da província do Huambo. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA