Autoridades angolanas e bielorrussas analisam estratégias para incremento da cooperação

GEORGES CHIKOTI, MINISTRO DAS RELECÇÕES EXTERIORES (À DIR.) RECEBE VASSILY RYBAKOV, VICE-MINISTRO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS DA BIELORRÚSSIA (Foto: Clemente Dos Santos)

O incremento da cooperação entre as repúblicas de Angola e da Bielorrússia esteve em análise esta manhã, em Luanda, durante encontros que o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros deste país europeu, Vassily Rybakov, manteve, em separado, com o ministro das Relações Exteriores, Georges Chikoti, e a secretária de Estado para a Cooperação, Ângela Bragança.

GEORGES CHIKOTI, MINISTRO DAS RELECÇÕES EXTERIORES (À DIR.) RECEBE VASSILY RYBAKOV, VICE-MINISTRO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS DA BIELORRÚSSIA (Foto: Clemente Dos Santos)
GEORGES CHIKOTI, MINISTRO DAS RELECÇÕES EXTERIORES (À DIR.) RECEBE VASSILY RYBAKOV, VICE-MINISTRO DOS NEGÓCIOS ESTRANGEIROS DA BIELORRÚSSIA (Foto: Clemente Dos Santos)

No final dos encontros, Vassily Rybako disse à imprensa que o objectivo principal da visita é a realização de uma série de consultas entre os dois países.

Neste sentido, ressaltou que os encontros serviram para discutir a cooperação entre os dois estados nas diferentes áreas, como educação, agricultura, turismo, militar, entre outras.

Salientou ainda o facto de este ter sido o primeiro encontro, desde o ano de 2002 e, por este motivo deu a conhecer que “o objectivo é o de renovar a cooperação entre os dois países, que já foi bastante forte na época da ex-União Soviética, e coloca-la num outro nível”.

Dai que, explicou, o objectivo principal é o de desenvolver uma cooperação comercial e económica, que infelizmente não correspondem ainda às necessidades dos dois estados.

Salientou que o seu país tem muita experiência em áreas como a da indústria e agricultura, as quais pretende explorar com Angola.

“Temos confiança de que um dia a crise económica terá o seu fim e nós aproveitaremos para explorara estas potencialidades”, argumentou. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA