‘Alienígenas ajudam a manter a paz na Terra’, diz astronauta que caminhou na Lua

Mitchell em sua caminhada na Lua (Foto: Reprodução/NASA)
Mitchell em sua caminhada na Lua (Foto: Reprodução/NASA)
Mitchell em sua caminhada na Lua (Foto: Reprodução/NASA)

Alienígenas ajudam a manter a paz mundial. A frase poderia ser dita por qualquer pessoa, mas não foi. Saiu da boca de Edgar Mitchell, astronauta norte-americano que caminhou na superfície da Lua em 1971, durante missão da Apollo 14.

Hoje, aos 84 anos, Mitchell garante que ETs visitaram as bases nucleares dos Estados Unidos e da União Soviética durante a Guerra Fria. Nesse episódio, eles teriam desarmado mísseis que ameaçavam fortemente a estabilidade social da Terra.

“Conversei com oficiais das Forças Aéreas que trabalharam nestes locais durante a Guerra Fria. Eles disseram que OVNIS eram frequentemente vistos por lá e que os mísseis eram desarmados por eles. Outros oficiais baseados no Pacífico contaram que os seus mísseis chegaram a ser abatidos por nave alienígena em testes”, contou Mitchell ao Daily Mirror.

Apesar das declarações do ex-astronauta, a Nasa não se pronunciou sobre o caso citado por ele. Recentemente, um ex-ministro da Defesa do Canadá já havia citado a mesma temática, afirmando que autoridades mundiais têm contacto com ETs e que eles ajudam na manutenção do planeta enquanto local pacífico. (yahoo.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA