Administrador do Kilamba Kiaxi pede empenho dos membros da Comissão de Aconselhamento

Estrada do Golfe Dois que liga Shopraite e Nova Vida (Foto: Ilustração - Pedro Parente)
Estrada do Golfe Dois que liga Shopraite e Nova Vida (Foto: Ilustração - Pedro Parente)
Estrada do Golfe Dois que liga Shopraite e Nova Vida (Foto: Ilustração – Pedro Parente)

O administrador do Kilamba Kiaxi, Domingos João Lourenço, pediu aos membros da Comissão de Aconselhamento contra a delinquência juvenil que trabalhem com dedicação e levem a sério a tarefa para o bem das comunidades.

O administrador que falava sábado no acto de credenciamento dos membros da comissão encorajou-os a trabalhar com afinco e garantiu o seu apoio nas questões em os grupos encontrarem dificuldades.

“ O trabalho visa primordialmente o aconselhamento das pessoas que nos tiram o sono e nos estragam o dia, mas também vocês vão nos transmitir, corrigir e ajudar a governar o Kilamba Kiaxi”, ressaltou , acrescentado que a comissão passa a ser um órgão de consulta da Administração para os problemas que os grupos identificarem nas áreas de trabalho.

Pediu aos membros da Comissão de Moradores que a apresentação dos grupos de aconselhamento aos moradores, para explicar a função que vão desempenhar.

Com esta Comissão de Aconselhamento, de acordo com Domingos João Lourenço, há cobranças para a reparação de avarias de energia e água que a Administração vai oficializar, por se tratar de uma instituição idónea.

Informou que a Administração esta a negociar com o Ministério da Administração Pública, Emprego e Segurança Social para garantir a formação profissional dos jovens com que vão trabalhar, para fazerem, de acordo com a opção, o curso de Bate-chapa, Mecânica, Informática, para os inserir na sociedade.

Na optica do administrador se estes grupos se engajarem muitos problemas a nível do Distrito estarão resolvidos, ressaltando que por este facto a Administração esta a credencia-los com um documento com dignidade para poderem trabalhar.

Pediu especial atenção com a origem das fontes de informação que os grupos obterem e sigilo no tratamento das mesmas. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA