Actividade industrial na China cai para mínimos de seis anos

(jornaldenegocios.pt)
(jornaldenegocios.pt)
(jornaldenegocios.pt)

O índice PMI da China, que mede a actividade da indústria, caiu para o nível mais baixo desde 2009, numa altura em que os receios em torno do abrandamento da economia chinesa estão a penalizar acções, divisas e matérias-primas.

A actividade da indústria chinesa caiu para o nível mais baixo dos últimos seis anos, aumentando os receios em torno do abrandamento da segunda maior economia do mundo.

O índice PMI – que mede a actividade industrial – da China, divulgado esta sexta-feira, 21 de Agosto, desceu dos 47,8 pontos, em Julho, para os 47,1 pontos em Agosto. O valor ficou aquém das estimativas dos economistas consultados pela Bloomberg que antecipavam uma subida para os 48,2 pontos. Leituras abaixo dos 50 pontos indicam contracção.

Este indicador – o primeiro relativo ao mês de Agosto – segue-se a dados desapontantes sobre o investimento, produção industrial vendas a retalho e exportações, no mês passado.

Na semana passada, o banco central da China decidiu realizar a maior desvalorização da sua moeda dos últimos 20 anos, num esforço para impulsionar as exportações e estimular o crescimento económico. A decisão teve um forte impacto nos mercados mundiais, que continuam pressionados pelas perspectivas de abrandamento do crescimento chinês.  (jornaldenegocios.pt)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA