Vice-presidente do Conselho de Ministros de Cuba termina visita ao país

Ricardo Cabrisas - Vice PR do Conselho de Ministros de Cuba (Foto: Angop)
Ricardo Cabrisas - Vice PR do Conselho de Ministros de Cuba (Foto: Angop)
Ricardo Cabrisas – Vice PR do Conselho de Ministros de Cuba (Foto: Angop)

O vice-presidente do Conselho de Ministros da República de Cuba, Ricardo Cabrizas Ruiz, deixou já a capital do país (Luanda), no termo da sua visita de trabalho de quatro dias destinada ao reforço das relações bilaterais e de cooperação entre os dois países.

Durante a sua permanência em Angola, Ricardo Cabrizas Ruiz cumpriu uma intensa agenda de trabalho, com destaque para um encontro com o vice-presidente da República, Manuel Vicente, que serviu para abordar assuntos relacionados com a cooperação bilateral entre os dois Estados.

De igual modo, o governante cubano liderou a delegação do seu país no encontro com o ministro de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Edeltrudes Costa, durante o qual foi feita uma avaliação do estado da cooperação bilateral.

Ainda durante a sua estadia, o vice-presidente do Conselho de Ministros da República de Cuba visitou a Base de Logística de Serviços Integrados da Sonangol (Sonils), tendo na ocasião manifestado a confiança no sucesso dos trabalhos de prospecção desenvolvidos pela petrolífera angolana no offshore cubano.

Angola e Cuba estabeleceram relações diplomáticas a 15 de Novembro de 1975, quatro dias depois da proclamação da independência do país, tendo assinado um Acordo Geral de Cooperação em 1976.

A cooperação entre os dois países abrange áreas como a defesa e segurança, urbanismo e habitação, construção civil e obras públicas, educação, ensino superior, alfabetização, energia, transportes aéreos, tecnologias de informação, indústria, bem como geologia e minas.

No Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, o visitante cubano e a sua comitiva receberam cumprimentos de despedida da secretária de Estado das Relações Exteriores para a cooperação, Ângela Bragança, entre outras individualidades. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA