Venezuela: Oposição concorre às eleições legislativas através de plataforma única (vídeo)

(DR)
(DR)
(DR)

A oposição venezuelana anunciou que irá concorrer às eleições legislativas previstas para 06 de dezembro representada numa única plataforma.

É a primeira vez em 16 anos que as sondagens apontam a oposição como favorita em eleições para a Assembleia Nacional, dominada pelo partido no Governo.

“Depois das eleições não haverá Cabello. A próxima Assembleia Nacional não terá Cabello porque essa é vontade do povo que quer mudança. Os partidos da oposição aceitaram um desafio de proporções históricas”, sublinhou Jesus Torrealba, Secretário-geral da Mesa de Unidade Democrática (MUD).

Diosdado Cabello, presidente da Assembleia Nacional, reagiu ao jogo de palavras e à declaração do líder da oposição.
“Decidiram optar por uma coligação única, mas isso não quer dizer nada. Não é um ato de unidade. Sabemos quem dá as ordens à oposição, são os líderes do imperialismo que não querem paz na Venezuela. Podem concorrer como quiserem, mas nós ganharemos na mesma”, afirmou Cabello.

O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, anunciou já que “jamais” permitirá uma observação eleitoral internacional que “monitorize” a Venezuela, quer da Organização de Estados Americanos, quer da União Europeia. (euronews.com)

por Fernando Peneda | com LUSA/APTN

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA