Três mortos e 16 feridos em confrontos no extremo-sul da Líbia

Bandeira da Líbia (Foto:Vlajky.org)
Bandeira da Líbia (Foto:Vlajky.org)
Bandeira da Líbia (Foto:Vlajky.org)

Novos confrontos opondo as tribos Zuei e Toubou em Koufra, no extremo sul líbio, fizeram três mortos e 16 feridos no fim de semana, indicaram segunda-feira fontes hospitalares.

Uma calma precária reinava esta segunda-feira de manhã na cidade depois destes violentos confrontos, segundo fontes miltiares da cidade, lembrando que os combates entre as duas tribos, inciados há duas semanas, já fizeram 10 mortos e mais de 30 feridos.

As causas destes confrontos remontam à hostilidades tradicionais entre as duas tribos cuja história de relacionamento é marcada por combates mortiferos entre estas duas componentes sociais líbias, sendo os Zuei de origem árabe e os Toubou essencialmente negroafricanos instalados entre o Tchad, o Níger e o Sudão.

Estas hostilidades são exploradas por políticos para atiçar as tensões entre as duas tribos com o objetivo de estender a sua influência em benefício duma das duas instituições políticas rivais que se disputam o poder na Líbia.

O sul da Líbia é regularmente abalado por problemas intertribais que degeneram às vezes em confrontos armados favorecidos pela proliferação das armas no país desde a revolução líbia de 2011.

Ultimamente, as tribos Toubou e Touareg assinaram uma trégua graças à mediação de outras tribos locais, depois de mais de um mês de confrontos que custaram a vida a mais de 40 pessoas e fizeram tantos feridos. (panapress.com)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA