Obama na UA defende igualdade entre os homens (vídeo)

(DR)
(DR)
(DR)

A visita histórica de Barack Obama ao continente africano chega ao fim e são muitas as mensagens deixadas ao líderes dos países visitados.

No discurso na sede da União Africano, em Addis Abeba, Etiópia, o presidente dos Estados Unidos defendeu a estabilidade do continente e lembrou a necessidade de respeito e de dever para com as regras democráticas e direitos humanos: “Temos de manter a dignidade inerente de cada ser humano. Dignidade. A ideia básica que, em virtude de nossa humanidade comum, não importa de onde viemos ou o que parecemos, todos nós nascemos iguais, tocados pela graça de Deus. Cada pessoa tem valor, cada pessoa é importante, cada pessoa merece ser tratada com decência e respeito “.

Obama pediu aos líderes africanos que combatam o cancro da corrupção para garantirem um progresso contínuo no continente e afirmou que os Estados Unidos ficarão ao lado da África para derrotar o terrorismo, alertando que o progresso do continente depende da segurança e da paz.

O presidente esteve no final uma fábrica de alimentos em Adis Abeba. A planta Faffa Foods é apoiada pelo programa do governo norte-americano, Alimentar o Futuro, que visa promover o crescimento económico e reduzir a fome. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA