Mulher detida em Lanzarote por recrutar meninas para o Estado Islâmico

(D.R)
(D.R)
(D.R)

A mulher, de nacionalidade espanhola, mantinha contacto direto com operativos do grupo na Síria.

Uma mulher foi detida em Arrecife, na ilha de Lanzarote, Espanha, acusada de recrutar meninas e adolescentes, e facilitar o seu deslocamento para zonas controladas pelo grupo extremista Estado Islâmico.

Fontes do Ministério do Interior informaram a EFE de que a mulher, de nacionalidade espanhola, mantinha contacto direto com operativos do grupo ‘jihadista’ na Síria. (dn.pt)

DEIXE UMA RESPOSTA