Moçambique: Ministro Muandumba realça aposta no desporto escolar e comunitário

Gonçalves Muandumba - Ministro da Juventude e Desportos (Foto: Angop)

Maputo – O ministro angolano da Juventude e Desportos, Gonçalves Muandumba, reafirmou hoje, em Maputo, a aposta que se deve dar no desporto escolar e comunitário, em particular nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), para se diminuir alguns problemas que ainda afligem os jovens.

Gonçalves Muandumba - Ministro da Juventude e Desportos (Foto: Angop)
Gonçalves Muandumba – Ministro da Juventude e Desportos (Foto: Angop)

O governante angolano falava aos jornalistas durante a cerimónia de abertura da VIII Conferência dos Ministros da Juventude e Desportos da CPLP, a decorrer em Maputo, em simultâneo com a VII Bienal dos Jovens criadores desta organização, de 17 a 21 do corrente mês.

De acordo com Gonçalves Muandumba, o desporto escolar e comunitário tem sido uma aposta do Governo angolano e dos agentes desportivos, caminho que deve ser seguido pelos restantes membros dos PALOP.

Recentemente, o Ministério da Juventude e Desportos organizou a primeira conferência de futebol no país, onde uma das conclusões foi a necessidade de se promover cada vez mais o desporto nestas duas esferas.

“Temos problemas graves de desemprego nos jovens, e o desporto joga um papel fundamental na ocupação dos tempos livre dos mesmos, no combate à delinquência, bem como promove valores de cidadania e sucesso escolar”, advogou.

A cerimónia de abertura da VIII Conferência dos ministros da Juventude e Desportos da CPLP aconteceu hoje no Centro de Conferência Joaquim Chissano, em Maputo, em acto presidido pelo primeiro ministro de Moçambique, Carlos Agostinho do Rosário.

Neste momento os ministros estão reunidos a porta fechada, para debaterem diversos assuntos de interesse da organização, aprovação do relatório de actividades do secretário-geral do biénio 2014/2015, assim como abordarão os principais desenvolvimento na comunidade em matérias de desportos e juventude.

Analisarão ainda a proposta de regulamento do programa de estágios na secretaria geral e a proposta de calendário da Bienal de Jovens Criadores da CPLP.

Estará ainda na agenda de trabalho a proposta de protocolo a estabelecer com a Organização Ibero-Americana da Juventude (OIJ) e com o Centro Internacional para a Segurança no Desporto, entre outros temas.

Guiné-Bissau e Guiné Equatorial não se fazem presente. (portalangop.co.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA