Moçambique: Criadores angolanos mostram potencialidades em Maputo

Maputo, Moçambique (Foto: D.R.)
Maputo, Moçambique (Foto: D.R.)
Maputo, Moçambique
(Foto: D.R.)

Maputo  – Trinta jovens angolanos participam a partir de sexta-feira, nas cidades de Maputo e Matola, Moçambique, na VII Bienal dos Jovens Criadores da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), a decorrer até dia 21 do corrente mês sob o lema “Juventude e Cultura Reforçando os Laços de Amizade”.

Neste sétimo encontro, promovido pela Conferência de Ministros da Juventude e Desportos da CPLP, onde tem como grupo alvo a faixa etária dos 18 aos 30 anos, os angolanos vão poder mostrar toda a sua criatividade nas categorias de Escultura, Pintura, Fotografia, Desenho, Artes Digitais, Grafite, Gravura, Dança e Música.

Em  declarações à Angop, o supervisor dos jovens criadores angolanos, Massangano Domingos, disse ser mais uma oportunidade para a juventude trocar experiência, estabelecer cooperação, bem como conhecer as culturas de outros povos.

“Esta iniciativa visa contribuir para a integração da juventude, aproximação e intercâmbio entre as diferentes identidades culturais”, afirmou.

Recentemente, o director do instituto moçambicano da juventude, Rui Mapatse, disse esperar que, através desta VII Bienal, se alcancem os seguintes propósitos: divulgação das obras de jovens artistas da CPLP, promover a discussão e partilha de vivências nas esferas da vida política, económica e social de seus países, reflectir sobre os diversos temas prementes da juventude, promover a divulgação de políticas públicas para a juventude da CPLP e do Mundo, estabelecer elos de ligação entre profissionais e jovens criadores nas diversas perspectivas artísticas e culturais.

Vão participar deste evento centenas de jovens ligados à produção artística-cultural (artes visuais, escultura, pintura, fotografia, desenho, gravura, grafite, artes digitais, intervenções urbanas, música, dança e teatro ) dos nove países desta comunidade lusófona, nomeadamente Moçambique,  Angola, Timor-Leste, Brasil, Portugal, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Cabo Verde e Guiné Equatorial.

A I Cimeira de Ministros Responsáveis pela Juventude e pelo Desporto da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa, CPLP, realizada em Portugal, cidade de Lisboa, nos dias 17 e 18 de Março de 1996, adoptou a realização de Bienais de Jovens Criadores, como forma de promoção e de aproximação de culturas junto das gerações mais novas, proporcionando desta forma um espaço de diálogo e intercâmbio multicultural e artístico entre jovens num dos países membros da CPLP, de forma rotativa.

Nesta senda, Cabo Verde organizou a primeira Bienal, em 1998. Angola responsabilizou-se da quinta edição, em 2011. A última foi em 2013, no Brasil.

À margem deste acontecimento, realizar-se-á, no mesmo período, a Cimeira dos Ministros da Juventude e Desportos da CPLP. O titular da pasta angolana, Gonçalves Muandumba, chega hoje a Maputo para participar desta reunião. (portalangop.ao)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA